Home Favoritos Donativos RSS
counter

 
sábado, 26 de janeiro de 2008

Dúvidas a Darwin vêm da ciência, não da religião

As dúvidas relativamente a Darwin vêm da ciência e não da religião

Investigação ciêntificaDe vez em quando os Darwinistas ficam furiosos com a lista de Dissidência Ciêntifica de Darwin ("Scientific Dissent From Darwin"), que inclui mais de 700 cientistas doutorados que publicamente declaram: "Nós somos céticos em relação às alegações de que as mutações aleatórias e a selecção natural podem ser responsáveis pela complexidade da vida. Deve ser encorajado o exame cuidadoso das evidências a favor da Teoria Darwinista". As frases são simples e directas. E talvez seja isso que preocupa os Darwinistas. As pessoas de imediato entendem aquilo que está a ser dito, aquilo o que os cientistas estão corajosamente a apoiar, e porque razão isso é importante.

Em 2006, o escritor de ciência do New York Times, Ken Chang, escreveu um artigo afirmando que "Poucos Biólogos mas Muitos Evangélicos assinaram a Petição Anti-Evolução", o que acabou por se revelar falso. Isto encaixa-se perfeitamente com a agenda dos Darwinistas de tentar mostrar que todo o ceticismo sobre a evolução Darwinista está baseada na religião, mas simplesmente não é esse o caso.

Os signatários da Lista de Dissidência assinaram a lista porque é a sua opinião profissional que faltam evidências para a capacidade das mutações aleatórias e da seleção natural poderem ser responsáveis pela complexidade da vida. Ponto final. Nem mais, nem menos.

Não é uma declaração política. Não é uma declaração de políticas educativas. Assinar a lista não transforma ninguém num proponente do design inteligente.

A Denyse O'Leary escreveu sobre outra questão que lhe foi colocada recentemente, sobre quantos membros do Discovery Institute são cristãos evangélicos. (Como se ela soubesse, ou como se isso tivesse mesmo alguma importância. Ninguém pergunta quantos funcionários do quadro do NCSE são ateus, então porque é que alguém se deve preocupar com os membros do Discovery?) Recebemos questões como estas periodicamente. E a resposta é, não mantemos registo. À semelhança da lista de dissidência, o Discovery Institute não tem uma proveta para avaliar a religião dos seus membros. Nem qualquer outra proveta desse tipo para os testar.

(por Robert Crowther)

0 comentários:

Postar um comentário





Related Posts with Thumbnails
A origem da vida não é consensual. A evolução dos seres vivos não é consensual. A teoria de Lamarck, a teoria de Darwin, e outras, propuseram a transformação dos seres vivos ao longo do tempo.

Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cuja origem os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.


Este blog trata de Design Inteligente, Darwinismo e Teoria da Evolução