Home Favoritos Donativos RSS
counter

 
domingo, 7 de março de 2010

Apresentação do III Simpósio "Darwinismo Hoje"

A realização da terceira edição do Simpósio Internacional “Darwinismo Hoje” pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, tem como justificativa a continuidade dos debates promovidos nas edições anteriores entre a visão evolucionista e a visão do Design Inteligente.

Desta feita, procura-se questionar se o Design Inteligente é de fato ciência ou se trata, em última análise, de ideologia religiosa. Paralelamente, aborda-se os últimos desenvolvimentos no campo darwinista, particularmente a chamada nova síntese evolutiva, anunciada para breve.

O objetivo do III Simpósio, à semelhança dos anteriores, é promover na Universidade uma visão ampla das questões relacionadas com a origem da vida, das espécies e da complexidade dos seres vivos, que leve em consideração os diversos olhares dos cientistas sobre estes assuntos cruciais, procurando manter o espírito da Academia como o local adequado para o debate, para o contraditório.

Sejam todos bem vindos ao III Simpósio Internacional “Darwinismo Hoje”.

O evento realizar-se-á nos dias 26 a 29 de abril 2010, nos campi São Paulo da Universidade Presbiteriana Mackenzie.

As inscrições para participação estarão abertas a partir de 18/01/2010 até a data do Evento. Os participantes receberão certificados de participação.

Importância da Reunião no Cenário Científico/Tecnológico do País:

No rol de atividades de uma Universidade, eventos que reúnem pensadores, professores e pesquisadores que exploram as mais variadas temáticas são sempre vistos com naturalidade. Entretanto, alguns destes eventos, além de certamente contribuírem com a difusão de idéias, princípios e novos modelos nas diversas ciências, proporcionam a possibilidade de debates de assuntos ousados e muitas vezes, configurados como tabus.

Um desses assuntos versa sobre a discussão da Teoria da Evolução, de Charles Darwin, robustecida por outros cientistas que defendem o Evolucionismo, acerca da origem das espécies, e a Teoria Criacionista, defendida por outros cientistas e pelos Cristãos de uma maneira geral.

Diante dessa realidade, a Universidade Presbiteriana Mackenzie organizou por duas vezes, e se prepara para organizar pela terceira vez, um Simpósio Internacional que promove a discussão e debates sobre este assunto, polêmico e ousado, sem, contudo, manifestar-se de forma tendenciosa ou com proselitismo.

No cenário técnico científico, a liberdade de expressão, a liberdade de cátedra e a defesa de teses são prerrogativas da academia. Por isso a significativa contribuição que eventos de altíssimo nível, como estes simpósios, dão àqueles que trabalham com as respectivas temáticas, resulta em possibilidades de avanço nos estudos, bem como na divulgação dos resultados auferidos.

São muitas as manifestações e comentários registrados na mídia, assim como em outros meios de comunicação específicos da comunidade universitária. Segundo informações do Sr. José Augusto Pereira Brito, Gerência de Desenvolvimento de Informática, houve um aumento exponencial do número de acessos aos vídeos do Simpósio Darwinismo Hoje e até maio de 2009, o número de acessos foi aproximadamente 100.000.

Debates sobre temas tradicionalmente tidos como antagônicos levam, com certeza, a revisões de conceitos, atualizações e redefinições dos mesmos. E não são raras as situações em que, do antagonismo, se chega a modelos consensuais. O debate de idéias, aberto e imparcial, permite aos participantes e àqueles que o presenciam a reflexão e a defesa de teses, com argumentos capazes de se referendar ou até mesmo rejeitar uma teoria. Assim caminha e evolui a Ciência.

A realização da terceira edição do Simpósio Internacional “Darwinismo Hoje” pela Universidade Presbiteriana Mackenzie, tem como justificativa a continuidade dos debates promovidos nas edições anteriores entre a visão evolucionista e a visão do Design Inteligente.

Palestrantes

Dr. Diogo Meyer (Evolucionista) - possui graduação em Biociencias pela Universidade de São Paulo (1991), mestrado em Biociencias pela Universidade de São Paulo (1994) e doutorado em Integrative Biology, na University of California (2002). Atualmente é jovem pesquisador fapesp da Universidade de São Paulo, atuando principalmente nos seguintes temas: fiologeografia, genética de populações, evolução, especiação e evolução de genes HLA.

Dr. Henrique Paprocki (Evolucionista) - Possui graduação em Ciências Biológicas pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais (1993), mestrado em Entomologia pela Universidade de São Paulo (1997) e doutorado em Entomologia pela University of Minnesota (2007). Atualmente é professor assistente III da Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, curador da coleção de Invertebrados do Museu de Ciências Naturais da PUC Minas e consultor ambiental da área de entomologia. Tem experiência na área de Zoologia, com ênfase em Zoologia Aplicada, atuando principalmente nos seguintes temas: trichoptera, qualidade de água, indicadores biológicos.

Dr. Marcos Nogueira Eberlin (Design Inteligente). Graduação (1982), Mestrado (1984) e Doutorado (1988) em Química pela Universidade Estadual de Campinas e pós-doutorado no Laboratório Aston de Espectrometria de Massas da Universidade de Purdue, USA (1989-1991). Atualmente é professor titular da Universidade Estadual de Campinas. É membro da Acadêmia Brasileira de Ciências (2002) e comendador da Ordem Nacional do Mérito Científico (2005). É vice-presidente da Sociedade Brasileira (BrMASS) e Internacional de Espectrometria de Massas (IMSS). Estuda a arquitetura química dos seres vivos, o que, objetivamente, significa, buscar explicações científicas para a origem da vida. Ele e sua equipe do Laboratório Thomson integram um projeto sobre a semelhança de organização das moléculas, a chamada homoquiralidade. A sua grande motivação para fazer ciência é entender como Deus cria as coisas, usando as próprias leis da química e da física e para ele, esse processo de separação dos aminoácidos e açúcares é a “assinatura química” que Deus deixou nos seres vivos.

Dr. Scott A. Minnich (Design Inteligente): Doutor em Biologia pela Iowa State University, pós-doutorado em Princeton. Atualmente é professor de microbiologia na Universidade de Idaho, Iowa. Defensor do Design Inteligente. Pertence a Sociedade Internacional para Complexidade, Informação e Design. Publica em várias revistas técnicas, incluindo Journal of Bacteriology, Molecular Microbiology, Journal of Molecular Biology, Proceedings of the National Academy of Sciences, Journal of Microbiological Método, Tecnologia Alimentar, e no Journal of Food Protection.

Dr. Stephen C. Meyer (Design Inteligente): Doutor em História e Filosofia da Ciência pela Universidade de Cambridge (dissertação sobre a história da biologia da origem da vida e da metodologia das ciências históricas), tem graduação em Física e Geologia. Atualmente é professor no Whitworth College, Estados Unidos, e diretor do Center for Renewal of Science and Culture no Discovery Institute (Centro para Ciência e Cultura do Instituto Discovery em Seattle). É um dos principais porta-vozes do Design Inteligente. Após graduar-se em física e geologia, trabalhou como geofísico para a companhia Atlantic Richfield. É co-autor de dois livros sobre design inteligente e darwinismo, Darwinismo, Desenho e Educação Pública (Michigan State University Press) e da Ciência e Provas de Design no Universo (Inácio 2000). Também escreveu inúmeros artigos técnicos, bem como editoriais de revistas e jornais como o The Wall Street Journal, The Los Angeles Times, The Houston Chronicle, The Chicago Tribune, First Things e National Review.

Fonte: Universidade Mackenzie

0 comentários:

Postar um comentário





Related Posts with Thumbnails
A origem da vida não é consensual. A evolução dos seres vivos não é consensual. A teoria de Lamarck, a teoria de Darwin, e outras, propuseram a transformação dos seres vivos ao longo do tempo.

Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cuja origem os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.


Este blog trata de Design Inteligente, Darwinismo e Teoria da Evolução