Home Favoritos Donativos RSS
counter

 
domingo, 10 de abril de 2011

PUF... aconteceu!



A dramatização de John Piper é até divertida, demonstra bem a incompatibilidade e a improvável aceitação do evolucionismo pela maior parte dos teístas, mas ele reproduz um erro que é comum os evolucionistas mais fanáticos cometerem. É que quando se dirige aos cientistas ele dá a impressão que os cientistas são todos darwinistas, quando está mais do que provado que isso não é assim.

Não são só os sectores religiosos que têm problemas com a visão de Darwin. As criticas ao evolucionismo estão a vir da ciência, e isso é o que está a abalar cada vez mais essa teoria do século XIX, e que está a deixar os evolucionistas mais fanáticos cada vez mais incomodados.

Este blog está repleto de exemplos de cientistas cépticos em relação ao darwinismo, que criticam a visão evolucionista, que defendem que a selecção natural não é capaz de explicar o aparecimento de toda a diversidade de vida na Terra.

0 comentários:

Postar um comentário





Related Posts with Thumbnails
A origem da vida não é consensual. A evolução dos seres vivos não é consensual. A teoria de Lamarck, a teoria de Darwin, e outras, propuseram a transformação dos seres vivos ao longo do tempo.

Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cuja origem os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.


Este blog trata de Design Inteligente, Darwinismo e Teoria da Evolução