Home Favoritos Donativos RSS
counter

 
segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Sondagem revela que o público duvida da Teoria da Evolução

Já aqui havíamos tomado conhecimento de que no Reino Unido mais de um terço (37%) dos professores primários e secundários acham que o criacionismo deveria ser ensinado nas escolas a par com a evolução.

Agora:

Sondagem Darwin Poll

Mais de metade do público no Reino Unido acredita que a teoria da evolução não pode explicar a complexidade da vida na Terra, e que as descobertas sugerem que um "projectista" (ou designer) teve que estar envolvido.

A sondagem, feita pela conceituada firma de sondagens ComRes, veio acender o debate em torno da evolução antes do aniversário dos 200 anos do nascimento de Charles Darwin, a ser comemorado na próxima semana.

O biólogo evolucionista e autor da "Desilusão de Deus", Richard Dawkins, disse que essa pesquisa mostra um nível preocupante de ignorância científica entre os britânicos.

Na sondagem 51% dos inquiridos concordaram com a declaração de que "a evolução por si só não é suficiente para explicar as estruturas complexas de alguns sistemas vivos, e que por isso foi preciso a intervenção de um "designer" (ou projectista) em fases chave"

Uma sondagem recente aos professores de ciências constatou que um em cada três professores acredita que o criacionismo deveria ser ensinado nas aulas de ciências juntamente com evolução e com a teoria da origem do universo, o Big Bang.

Apesar disso, Michael Reiss, biólogo e clérigo anglicano, foi forçado a demitir-se do cargo de director da educação da Royal Society, após ter sugerido que o criacionismo deveria ser discutido nas salas de aulas "não como um equívoco, mas como uma visão do mundo".

Falando no British Association Festival of Science na Universidade de Liverpool, no ano passado, o professor Reiss tinha estimado que cerca de uma em cada 10 crianças vinha de uma família que apoiava uma visão criacionista e não evolucionista.

Fonte: Telegraph, 31 de Janeiro de 2009


Embora seja claro que este artigo do Telegraph pretende levar os leitores a pensar que criacionismo e design inteligente são a mesma coisa, não deixa de ser relevante que as sondagens indiquem que mais de metade das pessoas no Reino Unido duvidam da Teoria da Evolução de Darwin, apesar da propaganda constante das crenças darwinistas por parte dos media, apesar da lavagem ao cérebro todos os dias com documentários especulo-evolutivos nas televisões de toda a gente (de britânicos e portugueses), apesar de tanta tinta que se escreve nas revistas em louvor a Darwin e a uma teoria do século 19. Claro que isto desagrada a Dawkins e companhia...



Vejam alguns dos posts relacionados:


0 comentários:

Postar um comentário





Related Posts with Thumbnails
A origem da vida não é consensual. A evolução dos seres vivos não é consensual. A teoria de Lamarck, a teoria de Darwin, e outras, propuseram a transformação dos seres vivos ao longo do tempo.

Mas o evolucionismo e o darwinismo não explicam de forma satisfatória a complexidade dos seres vivos. A biologia molecular e a biologia celular revelam mecanismos cuja origem os darwinistas nem se atrevem a tentar explicar.


Este blog trata de Design Inteligente, Darwinismo e Teoria da Evolução